fbpx
Como fazer uma vaporização do útero?
Aprende Como Fazer Uma Vaporização Uterina! Assim como os benefícios, as indicações e contra-indicações e que ervas utilizar nesta prática.

As Vaporizações Uterinas Levam Calor ao Ventre:

Cada planta vai curar, equilibrar ou limpar consoante as suas propriedades especificas. As ervas vão nutrir, tonificar, curar, e oxigenar o sangue, promovem a limpeza e tornam mais suaves os tecidos vaginais e uterinos. O calor húmido abre os poros, o vapor das ervas e óleos voláteis penetram nos tecidos, são absorvidos pela corrente sanguínea tendo um efeito de cura sobre o útero e vagina, beneficiando o sistema reprodutor. Para além da cura fisica algumas plantas têm também um potencial de cura energética

Benefícios das Vaporizações do Útero:

  • Ajuda a limpar memórias uterinas ligadas a vidas passadas.
  • Ajuda a limpar memórias uterinas inconscientes ligadas a relacionamentos antigos.
  • Ajuda a Limpar energias estagnadas no útero ligadas ao parto ou a experiências traumáticas e de abuso.
  • Melhora a circulação, o fluxo sanguíneo para a área a ser tratada.
  • Proporciona uma sensação de bem-estar.
  • Relaxamento.
  • Limpa e tonifica a pele.
  • Alívio de dores (devido ao aumento do fluxo de sangue e oxigênio para a área lesada).
  • Melhoria do sono.
  • Aumenta a fertilidade.
  • Ajuda a limpar as membranas internas, tecidos vaginais e útero.
  • Trata condições de fertilidade estagnada e/ou esvaziamento incompleto após cada ciclo. Desta condição fazem parte sintomas como TPM, cólicas durante a menstruação, sangue acastanhado, coágulos sanguíneos, endometriose, amenorreia, ciclos longos ou menstruação curta.

Indicações

  • Miomas uterinos
  • Menstruação dolorosa
  • Fraqueza uterina
  • Prolapso uterino
  • Menstruação irregular
  • Quistos ováricos
  • Endometriose
  • Aderências uterinas
  • Ruptura vaginal prévia
  • Menstruação acastanhada ou arroxeada

Contra-Indicações

  • Durante a menstruação
  • Sangue menstrual extremamente abundante
  • Infecção vaginal
  • Feridas abertas ou bolhas
  • Em caso de gravidez ou suspeita de gravidez
  • Se usar DIU
  • Em caso de candidíase, fazer a vaporização depois que os sintomas externos estejam amenizados

Como Fazer Uma Vaporização Uterina?

Ferver a água com as ervas numa panela.

Tradicionalmente colocam-se a água e as ervas num alguidar e a vaporização é feita de cócoras com um cobertor á volta da cintura, a posição de cócoras é muito benéfica para o fortalecimento muscular da mulher, enraíza e fortalece a musculatura pélvica.

Outra forma mais confortável de fazer a vaporização é colocar a panela com a água quente mas não a ferver, por baixo de um banco com o tampo recortado, de forma a vagina encaixar no orifício recortado para receber os vapores e colocar um pano á volta da cintura de forma a reencaminhar o vapor.

Quantidades – 8 colheres de sopa de planta seca
Duração – 20-30 minutos
Dica – Após o banho deitar na cama durante 1 hora
Promover a fertilidade – fazer de duas em duas semanas
Manter a fertilidade e manutenção da saúde geral – fazer duas vezes por ano

Que Plantas Medicinais Utilizar?

Alecrim: aumenta a circulação para os órgãos reprodutivos além de ser anti-séptico e purificante.
Lavanda: uma das ervas mais relaxantes, acalma a mente e o corpo, nutre o sistema nervoso. A lavanda serve de anti-séptico para os tecidos vaginais. É também um anti-espasmódico, auxiliando a função uterina saudável.
Oregãos: bom para fazer descer a menstruação. Aumenta o fluxo. Esta erva é benéfica pelas suas qualidades anti-sépticas, estimulantes e fortalecedoras, é uma erva maravilhosa para ajudar na prevenção de infecções.
Calêndula: é utilizada para induzir a transpiração e a limpeza dos tecidos vaginais, também é curativa e auxilia na cicatrização de tecidos dos lábios e do períneo quando submetidos a episitotomia.
Pétalas de rosa: são delicadas e adstringentes para os tecidos dos órgãos genitais. É também relaxante.
Manjericão: estimulante uterino
Artemísia: estimula a menstruação

Poções e Misturas de Plantas

Amor próprio: rosa, narciso.
Fertilidade: geranio, murta, narciso, pinheiro, visco, artemisia, bardana, erva de São João, manjericão, trevo vermelho, camomila, dente-de-leão, videira.
Prevenção de infecções e melhoria da saúde geral: artemisia, absinto, arruda, alecrim, oregão, rosa branca e lavanda.
Bem estar: alecrim, murta, rosa, canela, carvalho.
Purificação: eucalipto, alecrim, camomila, lavanda, salvia, tomilho.
Libertar memórias do passado (vergonha): pinho.
Relação mente-corpo: calêndula, jasmim, rosa.

Para Limpar Más Emoções

O sistema reprodutor absorve todas as memórias e emoções, para limpeza recomenda-se as seguintes ervas.

Medo: arruda, tomilho
Ansiedade, nervosismo, inquietude: alfazema, salva.

Espero que dês um bom uso a este conhecimento e ofereças à tua Yoni uma sagrada vaporização uterina.

Lê o Post

índice

SUBSCREVE
Partilha Com Amigos
Pesquisa Posts

O Útero em Flôr é um blog no qual forneço “ferramentas” para o processo de desenvolvimento integral do feminino e da consciência para uma nova terra.

Este é um projeto que está aberto a todos os que sintam um chamado interior para transformar antigos construtos, transmutar sombras e conhecer melhor os seus corpos de modo a viverem uma vida plena e mais consciente.

Continua a Ler

Posts Relacionados

NOVENA MILAGROSA DA BEM AMADA KUAN YIN

Kuan yin é a Deusa Chinesa da Compaixão, Mestra da hierarquia divina que trabalha na frequência do amor incondicional, é também considerada uma Deusa da doçura, da fertilidade, dos filhos, da maternidade e da lua.

lê mais
Salta para

Outras Categorias

Sucesso no Amor

Fogão de Vénus

Cuidar do Útero

Sagrado Feminino

Magia das Plantas

Harmonia Interior

©2022 Rute Alegria – Todos Os Direitos Reservados